terça-feira, 14 de outubro de 2008

02/10/08 - Porto Velho - RO: Comunidade Ribeirinha São Carlos

Logo cedo, fomos entrevistados pela TV Rondônia.

Agradecemos pela divulgação.

Vcs se lembram do presídio onde um preso foi decapitado e sua cabeça mostrada como um troféu? É aqui.

Acompanhados por dois amigos do Jajá fomos para a comunidade São Carlos, uma das mais distantes.

No caminho de 40km vimos muita coisa:

Aquelas plataformas são BARCOS DE GARIMPO, vão aspirando o fundo dos rios à procura de ouro, metais e pedras preciosas.

Tanto no fundo quando no topo, preciosidades:


Nossa Senhora




e




“o” troféu.

Aqui no Norte, BANDEIRA VERMELHA na porta de casa significa que tem alguém com MALÁRIA.

Nunca tínhamos visto um paciente com a MALEITA, curiosos, fomos lá.

Mas não foi desta vez...

‘seu’ José só deixou este marco para receber uma encomenda.

Conhecemos a SAMAÚMA, a árvore símbolo da floresta amazônica.



Linda,

imponente,

gigante!



















Você consegue me enxergar?

Sabe “Joãozinho e o pé de feijão”?







É assim que a gente se sente!









Mas ainda faltava muito, enfrentamos um temporal no meio da floresta e, acreditem, voam galhos enormes em cima da gente!

Para chegar à São Carlos, tivemos que pegar uma VOADEIRA e vimos de perto a AMBULANCHA.

A comunidade tem casas rústicas, mas a natureza foi generosa:

VERDE PARA TODOS OS LADOS!

Contactamos o líder comunitário Miquéias, que nos apoiou indicando as casas onde havia enfermos.

Além disso, nos ensinou muito sobre um Movimento pouco conhecido por nós.

A PRESSÃO ARTERIAL para ser “normal” deve estar abaixo de 14 por 9, ou seja, menor que 140x90 mmHg.

A "máxima" é a pressão sistólica.

A "mínima" é a pressão diastólica.

DIABETES é quando a glicemia (açúcar no sangue) em jejum é maior ou igual a 126 mg/dl OU quando a dosagem casual (não em jejum) é igual ou maior a 200mg/dl.

Uma curiosidade foi o NINJA DA FARINHA, o cara “mais rápido no gatilho”!

É assim que comem farinha por aqui:

não cai uma só migalha!

Sem carros para circular, a “pelada” é jogada na “rua”.

Não existem portões ou muros e animais selvagens viram bichos de estimação!

Este é o Jajá!




Já ouviram falar de FEIJÃO DE PISCINA?!

Quando o rio sobe, alaga a região e lá é plantado o feijão de “piscina”.







Muitos brasileiros ainda não tem RG, o REGISTRO GERAL, mas quem o tem, exibe com orgulho!

CIDADANIA!

Dormem em redes (e não peça para dormirem em camas)!

Terminamos o dia FELIZES!

E voltamos, à noite, torcendo pra “canoa não virar”!

17 comentários:

Ana disse...

Estive nesse local em Julho e fico muita feliz por saber que existem pessoas como vcs que assumem essa missao com aquele povo tao querido
Ana Karla
Santa Catarina

Anônimo disse...

Muito lindo o trabalho de vcs!!!
Deus continue abençoando suas vidas...
Lucas

renato_cesar_164 disse...

Me chamo Renato Guimarães e estou me preparando para o vestibular de medicina. Fiquei encantado com o projeto de voês! Não vejo outra finalidade dessa profissão a não ser ajudar a quem mais rpecisa. Espero,num futuro próximo, poder fazer parte desse trabalho. Parabéns!

ROSA LUCIA disse...

Parabéns aos médicos participantes deste projeto maravilhoso,que DEUS esteja sempre com vcs.

andre macedo disse...

ola.parabens pelo maravilhoso trabalho de voçes

Mayara Torres da Silva disse...

Olá! Sou estudante do quarto ano de medicina, em Fernandópolis, e vi a propaganda do site no carro e achei muito interessante o trabalho, parabéns pela iniciativa!

Patrícia Moreno disse...

Simplesmente incrível o que vi até agora vcs tem muita coragem é de dar orgulho. Parabéns

LUCIMÁ FÉLIX disse...

moro em nova serrana ,mas sou desssa terra abençoda que amo muito.

Nagib Nassif disse...

Dispensa comentários

monica cibeli disse...

adorei as fotos e a descrição por onde vcs passaram.Espero receber fotos e notícias de vcs.

lillian gama balbi disse...

ola ,gostaria de dizer que gostei de saber do trabalho solidário de voces.Também tenho vontade ser médica .espero que voces consigam ajudar muitas pessoas que necessitam de ajuda.

Djalma P Bentes disse...

Parabéns pelo AMOR com que distinguem a humanidade

Ormilo Bentes disse...

recebi as fotos de amigos. gostaria de tambem compartilhar este trabalho amigo.

cecilia Holmes disse...

PARABÉNS PELA INICIATIVA!

Eduardo disse...

Caro amigos este ano estarei fazendo um documentário sobre este vilarejo no baixo madeira em breve entrarei em contato abraços....
e parabens pelo trabalho de vcs....

Jair Medeiros disse...

Carlos e Dani estou com muita Saudades de vcs, como vai esse trabalho magnífico que fazem com a comunidade. O Carlos já se recuperou daquela Bacteriazinha danada?

Terça feira passou por Porto Velho um casal com um Motorrom indo para o Chile, mas lembrei muito de vcs naquela visita rápida de Medico aqui por Rondônia.

Porto Velho vive atualmente uma loucura com essas usinas Hidrelétricas, uma correria maluca, engarrafamento e muitos acidentes automobilístico, o povo não esta acostumado com esse ritmo, o progresso esta chegando e também as coisas ruins que também vem com ele .

Mandem noticias de ontem estão oque estão fazendo etc.... KD vocs!

Abraços.

Jaja!

Joana disse...

Sou de Rondonia, e estou cursando medicina em Porto Velho sempre tive vontade de ir pra Africa e já ouvi falar do projeto "medico sem fronteiras" mas outro dia discutia com uma amiga da faculdade porque nao iniciar um projeto desses aqui mesmo no Brasil? e mesmo na nossa regiao (eu de RO e ela do Nordeste...)visto que a miséria, desnutriçao, condiçoes sub humannas nao estao tao longes da gnt, do nosso país. Vi vcs no Jô hoje e peguei o site espero em breve poder cursar a mesma rota heheh :) abraços Ana Paula